E o medo de dar certo?

Sabe aquele pavor que dá de pensar em começar algo novo? Vamos falar um pouquinho sobre isso. Vamos ver!


"Tá locona, Flávia? Como assim vou ter medo que dê certo???"


Lembra o que o tio Ben fala pro Peter Parker (o Homem Aranha)? "Com grandes poderes, vem grandes responsabilidades!"... pois é, gente: quando dá certo, nasce uma responsabilidade gigantesca e dá medo sim!


Esses dias tive uma sessão de coaching com uma aluna e ela me falou que tinha medo. Perguntei se era medo de dar errado ou medo de dar certo. Ela falou que tinha muito medo de investir tempo, dinheiro, energia, sonhos e não dar certo. E aí perguntei "e se der certo, você está preparada?" e aí a ficha dela caiu e ela percebeu que tinha medo que desse certo sim. Afinal, ela é mãe, esposa, mulher, como seria empreendedora também?


Muito bacana a percepção, né? Alguns medos estão tão escondidinhos, tão camufladinhos, que não os percebemos e ficamos sabotando os nossos planos sem nem darmos conta.


Quando eu comecei a empreender, lá em 2012, eu também não sabia disso não. Mas na mesma época, duas grandes amigas começaram a empreender também e fomos percebendo alguns padrões na gente. Planejávamos, agíamos, fazíamos tudo o que tinha que ser feito e quando estava prestes a dar certo e atingirmos resultados bacanas, senhor amado!, que pavor! Era um pavor tão grande, tão avassalador que simplesmente fazíamos algo, inconscientemente, claro!, pra dar errado. Aaaaiiii... como o cérebro da gente é esquisito!!!!


E é por isso que precisamos nos ouvir, nos entender. Assumir que temos medo não é fraqueza, não é desistir; pelo contrário: é trabalhar o medo, entender o que ele quer nos dizer e dar a ele a segurança que ele precisa para deixar acontecer!


Ontem, eu estava assistindo uma série de anime (Aggretsuko - Netflix - eu amo!) e a amiga da protagonista falou uma frase que na hora eu falei pro Tata "para, preciso anotar isso!" hahaha... Adoro essas sabedorias vindas de onde a gente menos espera! Ela estava montando um escritório e falou que estava morrendo de medo, porque quanto mais trabalhamos (conquistamos!) mais temos o que proteger. Gente, olha que fabuloso isso, não é? Quanto mais fazemos, quanto mais criamos e conquistamos, mais temos o que proteger, o que cuidar e o que perder. E aí o medo faz o que? Para nos proteger, faz a gente se sabotar e desistir. Se sabotar e ver o problema maior do que ele realmente é.


Então faz assim, ó: pega lá o medo e bate um papo com ele. O que ele espera de você? Provavelmente ele falará pra você ir com calma, pra não se decepcionar, pra "não dar o passo maior que a perna" como já dizia minha vó rsrs... e aí você faz o que para acalmá-lo? Planeja, pensa em todos os detalhes, estuda o seu mercado, o seu produto, o seu público; estuda e aprimora as suas habilidades e as suas competências; vai atrás de parceiros que supram aquilo que você não é tão boa (porque sim, não precisamos ser boas em tudo, ok?). Dá ao seu medo a segurança necessária para ele te deixar prosseguir; ele não é um monstro, ele só quer o seu bem. Então escute o que ele está dizendo pra você, dê a ele aquilo que ele quer e bora fazer dar certo!


É gostoso quando dá! É gostoso quando percebemos que temos grandes poderes e assumimos todas as responsabilidades que vêm com eles; que sim, conquistamos e temos muito a proteger, mas somos capazes de proteger! E que, se por ventura, coisas ruins acontecerem, estamos prontas também pra lidar com elas e recomeçarmos.


Então um brinde ao medo que, no fundo no fundo, só quer nos proteger.


Maluco tudo isso, né? Nosso cérebro é maravilhoso...


Fala pra mim: você já tinha pensado nisso tudo?


#darcerto #poderes #homemaranha #aggretsuko #seouvir #seentender #crescer #cerimonialistabrilhante




20 visualizações

TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

© 2020 por A Benta Consultoria e Treinamento de Eventos.